Seja o primeiro a ler o que há de novo!

Blog

I did felt in love with you or at least with a person that would never say bad words to me, hit me, a person that would car about my feelings enough to present me to a friend for me not worry if Im uncorfatble, and surely  person that wouldnt ofend my heart, saying that if Im pissed of with maybe you could go to a sex party you were invited to, even as a joke, that hurt, a lot. A person that woukd do anythinh that wouldnt make me feel fear, suspicious or afraid if you are sleeping around. Just by you having some friedn that invite you to a sex party you re telling me a lot about the neviromente where you live and where your energy move.  

Im a child of God. and a horny woman to a man I love, bless me. 

I dont know whay I felt for you so quickly but it did happen. A big big lesson.  You asked if I needed to have sex with somebody cause I dont have any for 2 months you would ndersantd. I dont need sex. Do you ear me? I think you know perfectly well what kinf od woman I am. And if you dont cause I was really hot with you, well, thats not my problem. I know very well who I am. If you wnat to talk with me again about spiritualuity spend 2 years without sex, then we talk. Purify youserlf from easy pleasures, from alcool and shit. and oussy and ass. Wanna a family? Have a stable job and good income. Prepare yourself before entering in a temple. I wont continue to hurt my heart, I do wish you the best. Use well the gift that it was given to you. Through me and the gifts that God offered you. respect yourself. 

Todas as batalhas, se iniciam dentro de nós na nossa mente. Antes de quereres vencer demónios e forças do mal espirituais, conhece-te a ti mesmo, às tuas fragilidades. Sê um guerreiro ou guerreira armado de sabedoria, essa é a tua luz. Sê uma fortaleza que não se deixa esquecer de quem é pelas manipulações do mal- do narcisista.

Eu sou Ana Dragana, psicóloga, e estou aqui para ajudar a armar os guerreiros e guerreiras de cristo com o escudo da verdade. Para que estejam protegidos e se saibam defender nas suas batalhas espirituais, e àqueles que amam.

Podes ter toda a fé, se não te conheceres, profundamente, será um soldado cego. A luz de Deus pode guiar-te na escuridão, mas ele quer que abras os olhos. É com humildade, que presto esse serviço, com o que sei. As ferias de criança, inconscientes, têm de ser sanadas para não entrarares na batalha ferido. Prepara-te, que o tempo da separação do trigo do jóio, chegou. Sair e vencer em relações tóxicas é chave. Relaciona-te contigo e com Deus, cria um lugar seguro para o Amor prosperar, ao invés de esperares que seja o Amor a te proteger. O Amor tem de ser protegido.  

Hoje sonhei com um narcisista psicopata. Um homem desabafava com outro homem que a sua mulher pensava sair de casa e deixá-lo. O segundo homem sorri e diz que sabia como ajudá-lo. Que ia arranjar um grupo de homens para violarem a mulher, e que ela ia ficar quebrada no seu espírito, e que aí era só ele aceitá-la de volta e cuidar dela, que ela ficar ligada a ele para sempre, sem nunca mais pensar em deixá-lo. O primeiro homem fica confuso, sem saber se é verdade ou "maneira de falar", mas desconfortável porque o vê a sorrir. A ideia de isto poder acontecer à sua mulher deixa-o dissociado de si mesmo, pelo horrível que é. Ao mesmo tempo, está desesperado pela ideia de a perder. Muito desorientado equacionando o que este homem poderia ter feito já à sua própria mulher.  

Mais tarde, acontece. Acontece o inqualificável. Aquela mulher que se queria livre e que era por isso que o marido a amava, fica destruída. O marido também, preso dentro de uma culpa inexplicável, a lembrar-se do brilho dos olhos do outro homem. Ambos paralisados. Presos dentro de si mesmos na vergonha, culpa, sofrimento. O narcisista psicopata, feliz, olha para estas pessoas presas, que ficaram ambas debaixo do seu controle, sente-se satisfeito. Olha para os seus olhares vazios e sorri, pensando "isto foi obra minha". Olha para o seu "amigo" e diz com o olhar "não tens que me agraceder/ se contas a alguém toda a gente vai saber o que aconteceu à tua mulher e a culpa é tua, nunca me disseste que não querias, tu sabes que era no fundo o que tu querias. "


Novas estatísticas apontam que em 20 pessoas com que nos cruzamos, duas serão narcisistas, e uma narcisista psicopata. Um narcisista não chegará tão longe como no exemplo anterior, mas pode por exemplo escolher não dar o apoio emocional esperado a uma pessoa que está a passar por uma situação de vida muito dolorosa emocionalmente, ou potencialmente traumatizante, por exemplo, a perca de um familiar, um aborto, o pós parto, um doença que limita a pessoa de alguma forma, deixando a pessoa em choque a dobrar por não ter um abraço, um lugar seguro onde era esperado ele existir. 

Há pessoas "normais" que congelam perante a dor emocional do outro porque ressoa nelas e não sabem como reagir, mas o narcisista tem uma agenda.

Um narcisista também pode optar por ferir ainda mais emocionalmente a pessoa, a vítima, quando ela já está fragilizada, por exemplo, com um ataque de ciúmes, uma traição, acusando-a de algo que ela não fez, desviando a atenção da vítima para o que ela necessitava, que era cuidar dela mesma, impedindo-a de entrar num processo de cura que seria natural num ambiente seguro. 

Mais, depois de levarem a a vítima à exaustão e confusão mental, ainda a vão acusar de ser fraca, excessivamente sensível, egoísta de só pensar nela, paranoíca and so on. 

Depois, o remate final, oferecerem-se como os salvadores dela. Quando a deixaram em privação de água, quase a morrer de sede, levam-lhe um copinho de água, e dão-lhe uma festinha como se faz a um cão e dizem "vês? estou sempre aqui". Atenção que só dão um copinho de água. A vítima nunca poderá estar saciada inteiramente... para continuar a pedir ao "seu mestre". O narcisista ajuda-a e dá-lhe tudo o que ela está a precisar. Criando um reflexo de Pavlov inconsciente, em que a vítima racionalmente sente que não é verdade, mas no seu corpo e instinto sente que precisa daquela pessoa para viver e não consegue deixar a relação. Isto são relacionamentos tóxicos. Relacionamentos com pessoas doentes mentalmente que deixam os outros doentes também.  

Vítimas de narcisismo podem, merecem e devem tratar-se. Pessoas com traços de narcisismo podem-se tratar, com muita dedicação e vontade. Psicopatas não. Um narcisista absoluto vai sempre defender que a vítima é que precisa de tratamento e por isso nunca se vai tratar. Nunca acusar alguém que suspeita de ser um narcisista de o ser, procure ajude para si. 

Quando são vistos, quando alguém vê as máscaras a cair, torna-se seu inimigo. Narcisistas vingam-se, não têm limites na dor e nas percas que podem inflingir no outro, quando abandonados e a presa foge do seu controle e manipulação (os narcisistas "encobertos" usam a vitimização, a culpabilização do outro e a empatia e compaixão do outro para abusar dele como lhes convém), podem perseguir uma pessoa o resto da vida, fazem campanhas de difamação, mentem, fazem o que podem para destruir o outro, mesmo isso incluindo prejudicar filhos em conjunto, crianças. Narcisistas também lêem estes artigos, não se espante se observar um narcisista a acusar as suas vítimas de serem elas as narcisistas, ou de serem eles as vítimas de narcisismo.


A todas as vítimas, isto não lhe aconteceu por ser má pessoa, mas por ser boa pessoa. Se está a ser abusado e a desenvolver sintomas de depressão ou tem ataques de raiva, vontade de agredir de volta, isso é normal, e não faz de si má pessoa. Não é karma ou castigo divino. Se alguém coisa espiritual é, é Deus, a vida a desafiá-lo para saber quem realmente você é, se aprender a se defender e aprender a ver a realidade do mundo. Ser cada vez mais você mesmo e não permitir que ninguém o manipule.  

Pessoas vítimas de abuso narcísico não o são por serem fracas ou tolinhas, usualmente as "escolhidas" são as mais fortes e leais, porque "aguentam" apanhar mais e acreditam na bondade e potencial do outro para mudar. Uma vítima que ao 1º ou 2º embate deprima ou fique vazia, também não tem alimento nenhum para lhes dar. As que dão luta, essas sim... portanto, guerreiros e guerreiras, conheçam o vosso inimigo antes de entrarem num combate, se não vão perder. Aliás, este é o único inimigo que se ganha saindo de cena, e talvez essa seja a batalha mais difícil de se pedir a alguém com espírito aguerrido. E a batalha, é interna, não é com o outro. E não se faz sozinho mas a humildade de se pedir ajuda. Eu sou psicóloga e sei do que estou a falar, Aliás, imensos bons terapeutas passaram por estas provas. Portanto não se sinta enevrgonhado/a, ou estúpido/a, pessoas normais não estão preparadas para este nível de maldade. Mas está na hora de passarmos a estar, para nos podermos defender quando/se nos bater à porta. 

Porque a terapia é necessária? Porque o que está por trás muitas vezes são questões ocultas de criança. Conhece-te a ti mesmo e estarás salvo.

Muitas vítimas vêm os olhos destas pessoas a mudar, como se tivessem um demónio dentro. Já vi, não é bom. Custa a crer. Mas, não adianta rezar a Arcanjo Miguel se não cuidar da sua sanidade mental e lugares obscuros inconscientes...

E voltamos ao pai nosso "perdoa as nossas ofensas, assim como perdoamos a quem nos tem ofendido, não nos deixeis cair tentação, mas livrai-nos de todo o mal". Perdoar o narcisista/psicopata, mas deixá-los a uma distância segura, se faz favor.  

E mais, muitos narcisistas se criam a partir de abuso narcísico. É uma enorme responsabilidade não entrarmos em relacionamentos abusivos, os filhos, as crianças vão absorver este veneno, e de futuro, sem saberem como, vão- se sentir atraídos por estas situações.

Histórias incríveis que ouvimos de homens que foram acusados injustamente de violência doméstica e de mulheres que jogam com os filhos para se vingarem deles, são vítimas de narcisistas. Mulheres que são para lá de maltratadas e que quando deixam o companheiro e se começam a tentar defender, são totalmente difamadas e passam pelas malucas e ciumentas e possessivas. 

De verdade que conheço casos, em que eles não são infiéis, mas fazem de propósito para parecerem que são, para elas ficarem inseguras e desconfiadas, e depois as acusarem de serem ciumentas malucas, pois eles nunca fizeram nada! A perversidade destas mentes não tem limites! O objectivo é sempre destabilizar e trazer confusão à realidade do outro. Ou seja, a dada altura a vítima vai confirmar uma informação e descobre que estava enganada, e passa por "paranóica" e começa a duvidar de si mesmo. Para a próxima, em que existir um motivo de desconfiança real, é fácil usar a carta do "lá estás tu outra vez". É este o jogo. E mais do que o prazer do ser infiel ou não, o gozo é o jogo, o sentir que se controla o outro.  Isto não são relações que se curem. São relações das quais se sai. Porque o objectivo destas pessoas doentes é tortura infinita para controlar o outro, intercalada com oásis pelo meio para a vítima ir ficando. Estas relações podem durar vidas e/ou anos, não sem as vítimas devido ao seu baixo sistema imunitário devido ao stress prolongado (nunca se sabe o que vem aí e de onde)... desenvolverem doenças crónicas e graves, podendo morrer. Se tem dúvidas se deve sair desta relação e tem filhos, imagine morrer e deixar os seus filhos com um progenitor narcista? Lute POR SI. No matter what.  

É importante, crucial, todos nós aprendermos se estamos com pessoas com um feitio mais exigente, mais desafiante, se estamos com alguém que já não está a 100% porque foi vítima de abuso narcísico, ou, se estamos efectivamente a lidar com um narcisista/ psicopata. Crimes de ódio em que a mulher que se quer separar é morta, claro que estamos a lidar com um psicopata. Querer matar o outro deveria ser um sinal... adah. Mas vivemos numa sociedade tão louca, que de repente parece aceitável. As pessoas sãs merecem e têm de aprender a saber com o que estamos a lidar, para nossa proteção e de gerações futuras.

E ah,  mais uma coisa. O love bombing.

O love bombing é a fase inicial de uma relação, em que o predador encontra uma presa com bastante alimento, por ser boa pessoa, e decide investir nela, ao invés de comer e deitar logo fora (porque o fazem, podem crer, ou porque a pessoa é pouco juicy ou porque percebem que dali não vão levar nada- se for descartado por um narcisista por outra pessoa, pode ter sido a melhor coisa que lhe aconteceu). É como o príncipe encantado da Anna, do filme da Frozen, que se apresenta como perfeito, salvador, protector, e que queria o seu reino e no fim está disposto a matá-la, é o exemplo perfeito. Hoje em dia, quando vejo grandes manifestações de amor romantizadas- o ritual de pedido de casamento e o casamento pode ser uma delas, sem dúvida, as declarações iniciais... suspeito sempre. Os narcisistas sabem que têm de dar tudo rápido, porque a máscara tb não dura muito. Cuidado com fazer filhos com estas pessoas, a maneira perfeita de prenderem alguém, e só se mostrarem depois. É o pesadelo. Uma pessoa descobrir um monstro enquanto espera ou acabou de ter um filho com essa pessoa. No pós parto, às vezes logo durante o parto, o monstro ou monstra se mostra.  

Numa sociedade que promove estas ilusões nas nossas meninas (e viveram felizes para semore, mal se conheciam e casaram logo) urge avisar sobre estas pessoas. Às vezes o pior diabo é o que quer assumir uma relação e/ou casar.

Os narcisistas, apesar de hiper auto focados em si, não se conseguem ver, estão vazios por dentro. Projectam tudo no outro. As qualidades que gostariam de ter dizem que é o seu objecto de desejo que as tem (na fase "boa"). "Objecto" de desejo aqui faz mesmo MUITO sentido. Porque se o outro é tudo aquilo de maravilhoso, então ele estando numa relação próxima com aquela pessoa, também o é. A nível sexual (eles e elas) podem dar tudo numa fase inicial, pois o prazer que conseguem é sinal do espectaculares que são. parece que o foco está no outro, mas está de facto em si mesmos. Pode parece o melhor sexo do mundo, e é por aqui que "viciam" as vítimas. Mas, mas, tb isto termina. E depois de a pessoa ter sido colocada num pedestal de "deus" ou de "deusa", vai começar as ser tratada gradualmente ou em episódios brutais, como merda. O choque é tão grande, que a pessoa entra em dissonância cognitiva e acha que aquilo não aconteceu. Não pode. Ninguém faz ou diz aquilo. Aliás, os narcisistas são fantásticos em fazer as pessoas duvidarem da sua própria realidade. Porque misturam bocadinhos de verdades constrangedoras com mentiras. 

Depois de viciada a pessoa quer é que volte tudo ao estado inicial da relação, e agarrada a essa "imagem", recordação, pode continuar muito tempo numa relação de merda com esperança que volte a ter aquela coisa fantástica, que nunca tinha tido antes. E inclusivé a ser traída e a culpar-se. Sair destes relacionamentos pode ser como sair de uma dependência química, largar uma adição. Não aconteceu por fraqueza, foi um plano, de envenenamento. Como uma pessoa que é injectada com heroína sem saber o que é, porque lhe foi dito quer era Amor, e depois fica viciada e permite-se a ser abusada para ter a "sua dose". É triste, há casos maus graves e menos graves, mas é esta a dinâmica.

Outras pessoas são "agarradas" pelo seu lado "empático", são pessoas que foram muitas vezes traumatizadas em crianças, às quais as suas necessidades emocionais e /ou outras forma negadas, foram muitas vezes chamadas de egoístas ou ignoradas por quem as deveria proteger, e colocam sempre os outros em 1º lugar, ou doutrinadas a serem boas pessoas. "Quanto mais dás mais recebes"- BULLSHIT. 

Estudos mostram que nos jovens de hoje 67% acha normal e aceitável que surjam episódios de violência durante o namoro.... urgente ensinar e proteger  rapazes e raparigas de narcisistas que já existem nestas idades, e também ajudar os que já estão a crescer nestes ambientes a terem muito claro o que é normal e aceitável ou não, e a se corrigirem enquanto ainda vão a tempo.

Isto é mesmo muito sério. Não podemos ser governados de futuro por Trumps e afins. Eles vão voltar. O que fará que ganhem ou não é a sanidade mental da população. O que faz a mudança são as massas, o colectivo, todos temos de estar informados, não só os psicólogos. Para nos protegermos a nós, e aos nossos filhos e filhas. 

Para quem sente que tem uma responsabilidade em ajudar, estas pessoas, eis o que pode fazer. Marcar limites. Fazer acontecer as consequências. Mas com calma e sem nunca atacar, para não sofrer as consequências. Quem sabe, um dia que todas as vítimas deixarem de se permitir a serem alimento de predadores, ele tenham de numa fase inicial se começarem a comer uns aos outros. Pode ser que se matem. Pode ser que matem o mal que existe dentro deles. De qualquer forma, não se alimenta o mal. Talvez se possa matar o mal de fome. Como muitos santos e arcanjos, que mantém o mal debaixo dos seus pés. Nunca pode sair, se saem fingindo-se de arrependidos, na 2ª volta fazem pior, na 3º pior, e a vítima fica cada vez mais infectada e com maior dificuldade em sair.

Se os mantivermos alimentados eles ficam sossegados?

Bem, a fome do ego, é insaciável. Apenas o Amor sacia. Eles não conseguem sentir Amor. Se quiser dar a vida, a Alma, a alegria a servir uma narcisista, e acha que é uma pessoa do Bem, não é. Está ao serviço do Mal. O Mal é o seu Mestre. Quer ser do Bem guarde a sua energia para ajudar as vítimas deste mal.  

Como pode ajudar?

- não tentar diagnosticar o outro nem a si mesmo mas diagnosticar a sua relação, marcar limites e procurar ajuda terapêutica

- entender que o mundo tem muitas pessoas doentes e que ninguém tem a obrigação de confiar cegamente em ninguém, podemos criar uma sociedade menos falsamente romantica mas mais feliz e segura

- fazer on line para aprender o básico sobre o tema para se proteger a si e/ou aos seus filhos

Se narcisistas podem surgir nestes cursos? Capaz. estão em todo o lado. São capazes de usar o que aprenderam para melhorar as suas manobras, ou para acusar o outro, mas de facto ninguém consegue fingir para semore. Compensa o risco informar e se estar informado. Podem crer que há muito que escolhem as suas vítimas e que as estudam. É hora de nós os estudarmos a eles. podemos não conseguir escapar de famílias narcísicas, tóxicas em crianças, mas em adultos podemos escapar de relações tóxicas e criar famílias/ tribos saudáveis, rise up guerreiro@s! Malta do mundo espiritual, que defende que somos todos um, ou são narcisistas ou são carne para canhão para estas pessoas. Terapeutas da Nova Era e também psicólogos podem ser e muitos são narcisistas!

os que os vêem e têm informação para os mostrar pelo que são ao mundo, são muitas vezes alvo de campanhas difamatórias cruéis, por narcisistas ou por pessoas que não são, mas que são ignorantes e se aliam a eles a acharem que estão a defender uma vítima.

Se aprender a ver o mundo assim é mau? é sair da caverna da ignorância. 


curso on- line. plataforma zoom. 10 euros/ sessão. tragam amigos k podem estar na merda e não sabem, bem como os vossos filhos. cada sessão um tema diferente. psicologia e espiritualidade. 1º fazer curso com a tribo, depois.

Abuso narcísico amnésico... tb na política...

Os demónios, achamos sempre que somos obsidiados por eles, mas será k os vampiros são criados por humanos? E dominados por nós?  


Por Ana Dragana. O que é confiar? O direito e dever da defesa. Acordar o sistema imunitário (humanitário). Arcanjo Miguel, São Jorge, Ogum. Crescer com narcisistas. Sair da caverna da ignorância.

Dragões

16-03-2021

Um parágrafo introdutório dá aos leitores uma ideia do que podem esperar. Ele pode ser usado também como uma curta prévia na lista dos artigos. Uma formatação distinta irá ajudar a sobressair dos demais textos. Leia mais sobre como formatar os seus artigos.